Ausência do blog

novembro 4th, 2012 | 0 comments

Estive seis meses ausentes do blog. Esqueci minha senha e não tive tempo para resolver os problemas decorridos disso, a contar:

  • Alguns servidores não permitem que o wordpress envie e-mails, como aqueles para recuperar sua senha, quando você clica em “Esqueci minha senha”. Então você clica e nunca recebe sua senha por e-mail. Quando eu descobrir como se configura este envio de e-mails, eu postarei aqui.
  • Há como resetar a senha pelo phpMyAdmin, porém, há uma armadilha fatal neste processo! Eu redefinia minha senha e continuava sem conseguir fazer login. Após muita pesquisa, li que a senha fica guardada no banco de dados do usuário, não em forma textual, como é escrita, mas como seu hash md5.

Enfim… Não fui a fundo no assunto, mas, em resumo, se você precisar resetar sua senha por lá, use um conversor de texto para hash md5 como ESTE, e redefina sua senha no phpMyAdmin usando o hash.

Por exemplo: O hash md5 para I love you é e4f58a805a6e1fd0f6bef58c86f9ceb3. Acrescente uma só letra e o código já muda completamente. Experimente!

Como configurei o JDK no Ubuntu 12.10

novembro 4th, 2012 | 0 comments

A Oracle deve ter algum problema com pacotes .deb, como os do Ubuntu. A instalação do Java Development Kit é complicada, mas é possível para usuários um pouco mais familiarizados com Linux.

Siga os passos abaixo (você precisará da senha de administrador, para usar o comando sudo):

  1. Baixe os quase 100MB do JDK mais recente, na página oficial;
  2. Descompacte-o numa pasta qualquer;
  3. Opcionalmente, renomeie a pasta “jdk.1.7.0_09″ (ou nome semelhante) para java (que é mais geral, sem a versão);
  4. Abra o terminal e digite: sudo mv java /usr (Isto irá mover a sua pasta java, com o JDK, para a pasta usr)
  5. Navegue da sua pasta “Documentos” para trás -> “usuário (seu nome)” -> “home” -> ” / “, e então entre na pasta usr.
  6. Clique com o botão direito para escolher Open terminal here;
  7. Navegue até a pasta ” / ” -> “etc” e procure pelo arquivo bash.bashrc;
  8. Abra o terminal nesta pasta, conforme já feito anteriormente, e digite sudo leafpad bash.bashrc (como uso o Xubuntu, o editor de texto dele é o leafpad. Se você quiser abrir o arquivo em outro editor de textos, substitua o nome usado na linha de comando);
  9. Adicione estas três linhas, ao fim do arquivo:
  • export JAVA_HOME=/usr/java
  • export CLASSPATH=$JAVA_HOME/lib
  • export PATH=$PATH:$JAVA_HOME/bin

Salve o arquivo e saia. Abra o terminal em qualquer pasta e digite java -version. Se o comando for aceito ele irá escrever a versão do java, e isto mostrará que ele está instalado corretamente. Se o comando não funcional, reinicie o sistema, para carregar as novas configurações do bash.bashrc. Se após o reinício o comando ainda não mostrar a versão, significa que a configuração da JDK não funcionou, por algum motivo.

Arquivos .jar não executam com duplo-clique

A este ponto, em caso de configuração bem sucedida, os arquivos .jar ainda não deverão estar abrindo com duplo-clique. Para que isto possa ocorrer:

  1. Clique com o botão direito num arquivo .jar e vá em “Abrir com outro aplicativo“;
  2. Clique em “Usar um comando personalizado“;
  3. Digite lá o caminho do arquivo java, da pasta bin do JRE: /java/j2se/jre/bin/java -jar (não esqueça do parâmetro ” -jar”, no final).

Teste o duplo-clique sobre arquivos .jar. Veja que a opção “Abrir com java” ficará disponível no topo do menu do botão direito sobre o arquivo. Há ainda a possibilidade de rodar o arquivo no terminal, com o comando “java – jar nome-do-arquivo.jar”.

Pronto. Seu JDK está pronto para uso!

Eclipse

Se você precisa configurar esta JDK para abrir o Eclipse, edite o arquivo eclipse.ini, na pasta principal do eclipse. imediatamente antes de -vmargs, adicione duas linhas e salve o arquivo:

  • -vm
  • Caminho para a Java Virtual Machine. No meu caso é: /java/j2se/bin/java
Firefox
  1. Para instalar o plugin do java no firefox, siga os passos:
  2. Navegue ate a pasta /usr/lib/firefox/plugins e abra o terminal lá.
  3. Digite sudo ln -s /usr/java/jre/lib/amd64/libnpjp2.co (para copiar um link deste arquivo para dentro da pasta de plugins do Firefox)
Observações:
  • A pasta amd64 é encontrada em jdk de 64 bits. Se você instalou uma versão de 32 bits, o nome da pasta deverá ser i386 ou i586
  • A recomendação para uso do java web start e dos applets é com a jre de 32 bits (note que o plugin do firefox está na pasta jre).