Miséria da banda larga

maio 3rd, 2012 | 0 comments

Hoje, tentei assistir ao Jornal da Record News online, em vão.

Há duas semanas, técnicos andaram mexendo nos cabos por aqui e a internet piorou.

Em fevereiro de 2004, a máxima velocidade de banda larga, onde moro, era de 1 Mega. Hoje, oito anos depois, continua de 1 Mega.

O You Tube não se importa com isso. Vários vídeos já abrem, por padrão, na qualidade de 360p. Antigamente, eu conseguia assistir vídeos em 240p, sem problemas, mas faz duas semanas que nem nesta resolução eu consigo. Vídeos em HD, nem em sonho.

Para piorar, o You Tube não permite mais que se pause um vídeo, para que ele carregue em background, enquanto navega em outra aba.

Eu quero saber até quando esta parte da população será tratada como CIDADÃOS DE SEGUNDA CATEGORIA.

Não preciso defender a importância da internet, eu, que curso graduação à distância, com aulas teletransmitidas. Seria dizer o que todos já sabem.

Mas quero mostrar o mapa de onde moro, para dar a ideia de como moro grudado à segunda maior cidade brasileira, dentro da segunda maior região metropolitana…

E ainda assim tenho uma internet porca, que compartilho com meus vizinhos.

Não me passa pela cabeça me mudar para um “bairro bom” e deixar que a população desfavorecida se vire como pode.

Mas passa pela minha cabeça escrever e publicar alguma coisa, que mostre que há, sim, uma divisão social, mesmo entre bairros vizinhos, em regiões metropolitanas superlotadas:

  • Cidadãos de primeira categoria: com acesso aos serviços, beneficiados pela concorrência entre as empresas e seus preços baixos;
  • Cidadãos de segunda categoria: sem acesso ou com acesso precário, a serviços controlados por monopólios socialmente irresponsáveis, com preços altíssimos.

Essa é a realidade (já diria o Datena)!

A empresa de banda larga não quer saber se a população precisa, se é importante, pois a preocupação dela é com o lucro.

Quem deve se preocupar com o conforto e as necessidades da população, que é o governo e todo o setor público, onde estará nessas horas? Não faz nada? Não faz o seu trabalho de organizar a sociedade de maneira mais igualitária possível? Apareça, governo, e ponha uma ordem nesse capitalismo selvagem!

Agora, tire suas próprias conclusões. Clique nas imagens abaixo, para vê-las em tamanho normal.

Mapa do Google Earth com a região de baixa disponibilidade

Se eu subir num dos morros daqui, terei a visão da refinaria, da Baía de Guanabara e do Aeroporto. Mas tenho uma velocidade de internet que algumas cidades dentro da Floresta Amazônica já conseguiram. Qual é a lógica disso?

De carro, com trânsito bom, saio de casa e, em 25 minutos, estou ao pé do corcovado, observando o Cristo Redentor.

Disponibilidade máxima de 1 Mega para Oi Velox

Já fazem 8 anos que me encontro com o conteúdo dessa tela. Vejo por aí propagandas de 20, 50, até 100 Megas. Se há cem, por que não consigo mais que um?

Dificuldade para assistir ao youtube

No centro da tela, é comum aparecer o ícone de carregamento. No canto inferior-direito, o painel de escolha de qualidade do vídeo.

Tagged

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre lang="" line="" escaped="" highlight="">