Plano de curso: 9¬ļ ano (Ensino Fundamental)

fevereiro 26th, 2011 | 0 comments

Tema: Avaliar e questionar na Educação Física

Objetivo: Levar o aluno a desenvolver sua visão crítica sobre o universo do movimento humano, sobre suas atividades e sobre seu desempenho técnico e físico.

Aulas práticas: enfoque crítico

Conte√ļdos

1¬ļ Bimestre

Tema: Avaliação e escalte

Subtemas: O que √© “ser cr√≠tico”?, “Por que avaliar?”, avalia√ß√£o subjetiva e objetiva, diferen√ßas entre t√©cnico, t√°tico e f√≠sico, escalte, testes motores, a√ß√Ķes corretivas. Esporte: bom ou mau para a sa√ļde e para o conv√≠vio social.

2¬ļ Bimestre

Tema:¬†Capacidades motoras e avalia√ß√Ķes f√≠sicas

Subtemas: Força, resistência, velocidade, agilidade, flexibilidade, testes físicos. Atividade física, tecnologia e sedentarismo.

3¬ļ Bimestre

Tema: Ginásticas esportivas e de academia

Subtemas: Gin√°sticas esportivas (art√≠stica, r√≠tmica desportiva, etc.) e gin√°sticas de academia (step, combat, aer√≥bica, natural, etc.), academia: funcionamento e demais modalidades. ¬†Atividade f√≠sica, auto-imagem corporal, corpo perfeito e dist√ļrbios alimentares.

4¬ļ Bimestre

Tema: Eventos esportivos e recreativos

Subtemas: O que são eventos, eventos esportivos e recreativos (olimpiadas, rua de lazer, etc), demais tipos de eventos, gincana: funcionamento e atividades. Atividade física, marketing esportivo e consumismo.

Atividade final (opcional): participar de uma minigincana intraclasse.

Plano de curso: 3¬ļ ano (Ensino M√©dio)

fevereiro 17th, 2011 | 0 comments

Tema: Aspectos sociais e recreativos do movimento humano

Objetivo: Levar o aluno a compreender os fatores sociais presentes ou influentes na atividade física, para que saiba organiza-las e conduzir-las no meio coletivo.

Aulas pr√°ticas: enfoque social

Conte√ļdos

1¬ļ Bimestre

Tema: Lazer

Subtemas: Rela√ß√Ķes do lazer com o tempo livre e com o prazer, com o trabalho, o descanso e a qualidade de vida, lazer ativo e lazer passivo, interesses do lazer (f√≠sicos, art√≠sticos, manuais, intelectuais, sociais, etc), equipamentos urbanos de lazer, pol√≠ticas p√ļblicas relacionadas ao lazer.

2¬ļ Bimestre

Tema: Organização de eventos

Subtemas: Teoria dos 5 W e 3H (o qu√™, onde, quando, por qu√™, como, com quanto, com quem e para quem), trabalho em equipe, divis√£o das tarefas, projeto de evento, checklist (roteiro de evento), cerimonial, regulamentos, f√≥rmulas de disputa e premia√ß√Ķes.

3¬ļ Bimestre

Tema: Nutrição e atividade física

Subtemas: Pap√©is dos principais nutrientes no desempenho f√≠sico: carboidratos, prote√≠nas, gorduras, √°gua (hidrata√ß√£o), ferro, c√°lcio, s√≥dio, pot√°ssio e f√≥sforo (bebidas isot√īnicas). Vitaminas do complexo B e antioxidantes. Sono (descanso) .

4¬ļ Bimestre

Tema: Atividade física e sociedade

Subtemas: Competitividade, consumismo, trabalho, tecnologia, pol√≠tica, religi√£o,¬†sensualidade e sexualidade relacionados √† atividade f√≠sica, autoimagem e corporeidade, sedentarismo, fama, subst√Ęncias proibida e altos sal√°rios.

Trabalho principal (opcional): Participar da organiza√ß√£o de um evento escolar inter ou intraclasse (gincana l√ļdica ou torneio esportivo).

Plano de curso: 2¬ļ ano (Ensino M√©dio)

fevereiro 17th, 2011 | 0 comments

Tema: Aspectos mec√Ęnicos e expressivos do movimento humano

Objetivo: Levar o aluno a compreender o funcionamento mec√Ęnico do corpo humano, sua leitura e cuidados necess√°rios ao aparelho locomotor e √† coluna vertebral.

Aulas pr√°ticas: enfoque mec√Ęnico

Conte√ļdos

1¬ļ Bimestre

Tema: Aparelho locomotor

Subtemas: Ossos, articula√ß√Ķes, m√ļsculos, tipos de movimento (flex√£o/extens√£o, abdu√ß√£o/adu√ß√£o, rota√ß√£o lateral/medial e circundu√ß√£o), contra√ß√£o muscular, tipos de contra√ß√£o (conc√™ntrica, exc√™ntrica e isom√©trica), principais m√ļsculos esquel√©ticos e suas articula√ß√Ķes de atua√ß√£o.

2¬ļ Bimestre

Tema: Força, resistência muscular localizada (RML) e flexibilidade

Subtemas: Diferen√ßas entre for√ßa e RML, diferen√ßas entre contra√ß√£o e alongamento, t√īnus muscular, exerc√≠cios de contra√ß√£o muscular e seus principais m√ļsculos afetados, gin√°stica de academia e muscula√ß√£o, atividades de alongamento, tipos de alongamento (ativo, passivo, assistido e bal√≠stico), relaxamento muscular.

3¬ļ Bimestre

Tema:¬†Les√Ķes do aparelho locomotor e coluna vertebral

Subtemas: Les√Ķes (√≥sseas, articulares e musculares), sintomas, primeiros socorros, overtraining, estrutura e movimentos da coluna vertebral, desvios posturais, cuidados com a coluna vertebral.

4¬ļ Bimestre

Tema: Dança e expressividade

Subtemas: Comunica√ß√£o corporal, expressividade, m√≠mica, teatro mudo, dan√ßas contempor√Ęneas, dan√ßa de sal√£o, companhias de dan√ßa.

Trabalho final (opcional): Analisar qualitativamente os movimentos de uma dança, extrai-los de um vídeo e adaptá-los em si mesmos.

Plano de curso: 1¬ļ ano (Ensino M√©dio)

fevereiro 14th, 2011 | 0 comments

Tema: Aspectos fisiológicos do movimento humano

Objetivo: Levar o aluno a compreender as vari√°veis fisiol√≥gicas e de sa√ļde, envolvidas na atividade f√≠sica, para que participe nela com maior capacidade cr√≠tica e utilize seus conhecimentos para diminuir riscos para sua sa√ļde, ao programar suas pr√≥prias atividades.

Aulas práticas: enfoque físiológico

Conte√ļdos

1¬ļ Bimestre

Tema: Atividade f√≠sica e Sa√ļde

Subtemas: Atividade f√≠sica, aptid√£o f√≠sica (for√ßa, resist√™ncia, flexibilidade, etc), treinamento e adapta√ß√£o, sa√ļde (segundo a OMS), estilo de vida e qualidade de vida.

2¬ļ Bimestre

Tema: Princípios da atividade física

Subtemas: Individualidade biol√≥gica, sobrecarga crescente, especificidade, reversibilidade; volume (s√©ries, repeti√ß√Ķes e intervalos), intensidade e frequ√™ncia semanal; frequ√™ncia card√≠aca (bpm).

3¬ļ Bimestre

Tema: Funcionamento do corpo

Subtemas: Energia (ATP), m√ļsculos, carboidratos (glicose), prote√≠nas e gorduras (produ√ß√£o de energia), oxig√™nio, g√°s carb√īnico, sangue, urina, m√ļsculos e c√©lulas musculares, impulsos nervosos, horm√īnios (insulina), rins, f√≠gado e pulm√Ķes.

4¬ļ Bimestre

Tema: Resistência aeróbia e anaeróbia

Subtemas: Metabolismos energéticos aeróbio e anaeróbio, hiperventilação, glicólise, ácido lático (acidose), consumo de oxigênio, limiar anaeróbio (e sua relação com a frequência cardíaca), resistência anaeróbia, resistência aeróbia, resistência cardiorrespiratória e seus efeitos no organismo humano.

Trabalho final (opcional): Montagem de um programa simplificado de atividade f√≠sica, aproveitando todo o conte√ļdo do ano.

Livro: Educação Física na Adolescência

fevereiro 14th, 2011 | 0 comments

A base do meu planejamento para Educação Física escolar para Ensino Médio veio das minhas leituras do livro do Mauro Mattos: Educação Física na Adolescência: Construindo o conhecimento na escola. Estava procurando uma proposta realmente concreta e nele eu a encontrei. E a aprovei.

O Cap√≠tulo 3 fala sobre o desenvolvimento dos conte√ļdos e √© a parte que considero principal, pois s√£o textos que mostram ao professor uma linha a seguir com sua pr√°tica, em cada um dos temas. Ao meu ver, quase todo o Ensino M√©dio est√° l√°, principalmente o primeiro ano, que vou detalhar mais, em breve. Os demais cap√≠tulos do livro n√£o d√£o enfoque ao planejamento.

Ao final dos cap√≠tulos, h√° dois anexos que considero importantes: O anexo 1, por apresentar um plano com uma sequ√™ncia: “Sugest√£o de plano de ensino de Educa√ß√£o F√≠sica para o Ensino M√©dio“, e o anexo 2,Sugest√£o de aulas“, principalmente pela proposta de aula de alongamento, com ilustra√ß√Ķes.

Recomendo este livro para quem quer organizar um plano de Educação Física para o Ensino Médio.

Por que JavaFX?

fevereiro 14th, 2011 | 0 comments

Em 1996, ficou pronto meu primeiro programa de computador. No curso técnico, aprendi a adorar uma linguagem de programação chamada Clipper. Eu nem sabia o que era linguagem procedural. Cheguei a fazer um programa que organizava a classificação de um campeonato de futebol, mas apanhava na indexação e só consegui ordenar a lista pelos pontos ganhos, desconsiderando o saldo de gols e outros dados.

Voltei a me concentrar em programação em 2002, já com o Delphi. Embora já no mundo da programação orientada a objetos, eu o utilizava praticamente de maneira procedural. Os códigos ficavam uma bagunça e eu não conseguia terminar nenhum programa grande. Acabei desistindo.

Anos mais, comprei o livro da s√©rie “Use a cabe√ßa”, sobre Java (tinha lido o sobre HTML e gostei da pedagogia deles). Tinha estudado rapidamente PHP (e Php-Gtk, mas n√£o tinha me aprofundado). Acabei entrando no mundo Java. Gostei muito. Pensei: “Agora volto para a programa√ß√£o de vez!”. Por√©m, o Java n√£o √© t√£o fant√°stico assim.

Explico o por quê. Gosto de programar jogos e acho péssimo ter que:

1 - Anexar um objeto de barra de rolagem a objetos como o JList ou o JTextArea. √Č uma perda de tempo;

2 – N√£o descobrir como manipular imagens adequadamente. Tive que criar um JPanel modificado, para utilizar estruturas gr√°ficas para desenhar improvisadamente as imagem (e o NetBeans sempre encrencou com isso);

3 РODIAR a manipulação de eventos em Java! O listener fica encapsulado mas a função propriamente dita fica fora do objeto. O código fica uma bagunça! Há maneiras de se fazer isso tudo encapsulado mas eu não gostei;

4 – O Swing j√° deu o que tinha que dar. Est√° feio e ultrapassado. E nem falo dos gerenciadores de layout…

Ent√£o, eis que paro para ler sobre JavaFX no Wikipedia e acabo por chegar a uma p√°gina da Oracle cheia de exemplos de applets, ali, no meu navegador (uso o Chrome). Aquilo mudou tudo…

A proposta do JavaFX (incluo o JavaFX Script, pois um foi feito para funcionar com o outro) é criar as telas de maneira rápida e fácil. E foi inteligente pois corrigiu muito do código complexo do Java e trouxe uma simplicidade enorme. Com 50 linhas de código, fazemos algo realmente atraente. Certamente, para melhorar o Java, seria preciso mudar um pouco a linguagem: quem conhece a linguagem Java, precisará estudar JavaFX Script para conseguir utilizar o JavaFX até a versão 1.3.1. Esse foi um dos motivos da descontinuação do JavaFX Script. E por isso estou estudando o Visage, que pretende ser uma continuidade do JavaFX Script, pois se JavaFX se tornar meramente uma biblioteca multimídia para a linguagem Java, eu estarei fora!

Estou ansioso para come√ßar a postar os conte√ļdos em JavaFX que estou preparando. Alguns j√° est√£o prontos mas descobri que o WordPress n√£o permite inserir c√≥digos javascript (necess√°rios para ativar os applets do JavaFX nos navegadores), ent√£o terei que utilizar imagens de exemplo, com links para minha outra p√°gina (que estou construindo quase que totalmente em JavaFX).

Estou ansioso… Espero poder ajudar com meus exemplos de c√≥digo e minha p√°gina a todos que est√£o aprendendo a usar JavaFX mas est√£o com dificuldades.

Experiência do Plano de Curso

fevereiro 11th, 2011 | 0 comments

Na verdade, este planejamento todo j√° est√° praticamente pronto, mas ele precisa de melhorias. Desde que eu o adotei, eu o apliquei nas seguintes turmas:

Ano 2009: turmas 1003, 1004, 1005, 2002, 2004 e 3001.

Ano 2010: turmas 702, 704, 802, 803, 804, 904.

Somente neste ano irei aplicar ao 6¬ļ ano, que √© o plano menos desenvolvido de todos.

Plano geral de Educação Física Escolar

fevereiro 11th, 2011 | 0 comments

N√£o tenho um plano pronto para os anos iniciais do Ensino Fundamental, apenas uma id√©ia de uma linha a seguir. Acho que os anos iniciais devem ter um foco desenvolvimentista, com toques construtivistas. Por exemplo: utilizando jogos populares, ou jogos apresentados pelo professor, para desenvolver as habilidades motoras de forma global, ainda num n√≠vel de tomada de consci√™ncia baixo sobre quaisquer teorias. √Č a hora certa para isto.

Para os anos posteriores, a teoria deve encontrar a prática de maneira formal e ser avaliada normalmente. Este é um esboço que gostaria de discutir com profissionais da área, a qualquer hora, em qualquer dia, mas tenho ENORME dificuldade para isto:

6¬ļ ano: Iniciar a teoria apresentando o mundo da atividade f√≠sica, dando √™nfase √† variedade desta (nome simples: brincar com a Atividade¬†F√≠sica)

7¬ļ ano: Apresentar as habilidades motoras atrav√©s de jogos variados e aperfei√ßoar habilidades desportivas (praticar a Atividade¬†F√≠sica)

8¬ļ ano: Focar nas habilidades sociais, o que envolve cria√ß√£o de regras, estrat√©gia e aspectos t√°ticos: a auto-organiza√ß√£o de grupos (se organizar na Atividade F√≠sica)

9¬ļ ano: Focar na avalia√ß√£o, sobretudo de aspectos t√©cnicos e f√≠sicos, al√©m de uma √™nfase cr√≠tica em temas envolvendo Atividade F√≠sica e Sociedade (avaliar na Atividade F√≠sica)

1¬ļ ano: Conduzir a aprendizagem dos aspectos fisiol√≥gicos que envolvem a Atividade F√≠sica, dando bases te√≥ricas para que o aluno possa organizar e cuidar de suas atividades.

2¬ļ ano: Conduzir a aprendizagem dos aspectos mec√Ęnicos do movimento humano, complementando os conte√ļdos do 1¬ļ ano.

3¬ļ ano: Aqui, os aspectos sociais e de lazer, e ainda complementos dos anos anteriores.

Minha id√©ia, com este plano geral, √© distribuir entre os anos temas diferentes e complementares, de maneira a tornar o curr√≠culo de Educa√ß√£o F√≠sica Escolar mais completo poss√≠vel. Ainda vou detalhar bastante cada um desses anos e ficarei grato com sugest√Ķes.

Turmas 2011

fevereiro 9th, 2011 | 0 comments

Turmas nas quais desenvolverei meu planejamento, a partir desta semana:

Ensino Fundamental: 601, 701, 803, 803 (outra), 903 e 904

Ensino médio: 1001, 1006 e 2004

Vou ficar devendo uma avalia√ß√£o melhor de alguma 3000, mas ainda estou tentando pegar mais turmas. Como j√° tenho um planejamento que organizei desde 2008, e o testei numa vers√£o mais ou menos “final” no ano passado, quero repeti-lo e reavaliar seus detalhes. Fiquei muito satisfeito com ele.

Planejamento

fevereiro 9th, 2011 | 0 comments

Busco um plano de curso há um bom tempo. Os livros de Educação Física costumam se debruçar sobre teorias, mas sem oferecer uma organização prática completa. Guardo dois livros que me servem de base para meus planejamentos atuais:

Ensino fundamental:

Educação como prática corporal, do João Batista Freire com o Alcides José Scaglia, edição de 2003 (por muita sorte, já fui aluno dos dois)

Ensino médio:

Educação física na adolescência: construindo o conhecimento na escola, do Mauro Gomes de Mattos e Marcos Garcia Neira, reimpressão de 2004 (já pude conhecer o Mauro num curso que ele coordenou)

Quero comentar sobre esses dois livros, dizendo por que eu os utilizei no meu planejamento. São os que encontrei que mais se aproximam de uma organização para a prática que realmente me interessou. Acho que valem a pena serem considerados para este fim.